domingo, 22 de julho de 2018

Paul Joseph Watson: a verdade sobre os imigrantes (com legendas)


     Em mais um excelente vídeo, aliás, um dos seus melhores trabalhos de sempre, o Sr. Watson começa por mostrar-nos mais uma prova de que os sul-coreanos são de facto um povo extremamente inteligente:  quinhentos mil sul-coreanos (sim, 500 k, meio milhão!) assinaram uma petição contra a imigração muçulmana!!! Porquê? Porque os sul-coreanos têm estado atentos àquilo que se tem passado no Ocidente, sobretudo aqui na Europa... e não querem que lhes aconteça o mesmo que aconteceu a nós, os paspalhos dimiescos da Eurábia!

12 comentários:

Lura do Grilo disse...

Já naqueles dois anos loucos após o golpe de estado do 25 de Abril só no estrangeiro havia a clara noção que estávamos a mergulhar numa ditadura comunista. Por cá eram a gaivota, os açambarcadores, os fascistas, etc,etc

Afonso de Portugal disse...

Aquilo que eu acho especialmente grave no caso português é que andamos sempre atrasados em relação ao resto da Europa. Veja-se o caso da imigração: multiplicam-se os apelos, por parte das nossas "elites", para que Portugal escancare as suas fronteiras ao terceiro-mundo. Ultimamente até se fala na "livre circulação" de pessoas na CPLP. Porquê? Porque os "entendidos" da demografia estabeleceram erradamente que só a imigração levará à sustentabilidade da segurança social.

Só que a experiência nos países mais desenvolvidos da Europa e nos EUA demonstra precisamente o contrário. Grande parte dos imigrantes não contribui e os que contribuem tendem a contribuir muito menos do que a população autóctone europeia. Ou seja, a imigração acelera a destruição do Estado Social, ao contrário do que as nossas "elites" afirmam.

As nossas "elites" são estúpidas? Não, isso é a conversa da treta que nos impingem todos aqueles que, não obstante parecerem opor-se aos nossos (des)governantes, não querem resolver os nossos problemas. As nossas elites são subservientes a interesses estrangeiros, o que é um fenómeno totalmente diferente da falta de inteligência. Enquanto não houver uma forma de as responsabilizar criminalmente pela sua subserviência, Portugal não sairá da cepa torta!

Anónimo disse...


Não precisamos de imigração. Isso é uma fábula desenvolvida por políticos e economistas subservientes dum mundo empresarial cujo paradigma é explorar os recursos até ao infinito, digo, esgotamento.

Temos de pensar na qualidade de vida dos Portugueses e não na ganância. Veja-se os três milhões de pobres e a sangria da saída de milhares de compatriotas nossos em busca de um pouco mais no exterior. A imigração reforça o buraco negro social, a manutenção artificiosa de preços concorrenciais à pala de um cenário de crónico subdesenvolvimento.

Pelo contrário, se não recebermos imigrantes ou um número dez vezes menor do que o que preconiza o governo, a escassez de mão de obra fará elevar os salários. E salários mais altos significam maiores descontos para a Segurança Social; qual a diferença de dois descontarem 100 ou de um descontar 200? A economia gradualmente acomodará esse efeito, repercutirá é certo uma parte negativamente, mas no fundo incentivará a valorização tecnológica e organizativa. Uma máquina pode fazer o trabalho de 4 ou 5; a criatividade e a boa gestão fazem milagres com os seus recursos. Ou seja, modernização produtiva.

Em suma, a produtividade não precisa de imigrantes.
Nem há problema num recuo demográfico. É outro papão.

A política deve dirigir a economia e esta a finança. Não o contrário.
O problema do globalismo é que não resolve os problemas locais, faz de conta que resolve.
Só o nacionalismo pode integrar o global no local, ou seja, pensar no global mas agir localmente, como diz o chavão.

Opinião de Nuno

Anónimo disse...


Invasão de Ceuta, em 26-7-2018


https://www.youtube.com/watch?v=Z51KRJcnSfM


Nuno

Anónimo disse...


Em águas gregas, a Polícia Marítima portuguesa «detectou» hoje (26-7-2018) um bote com 47 migrantes, oriundos do Afeganistão, Mali, Guiné, Senegal, Burkina Faso e Togo.

https://24.sapo.pt/atualidade/artigos/policia-maritima-portuguesa-em-missao-na-grecia-resgata-47-migrantes

Nuno

Anónimo disse...

Afonso de Portugal,

Aqui no Brasil quase 200 contas no faceboock (A grande maioria de viés conservador) foram canceladas. É uma intervenção externa nas eleições presidenciais, que ocorrerão no Brasil em outubro onde o candidato conservador Jair Bolsonaro, tem metido muito medo na esquerdalha. É o maior cancelamento de contas no Faceboock ocorrida em todo o mundo.

A imprensa (que é 99% comuna) não cansa de bater forte no referido candidato, bem como contra qualquer mídia virtual que expõe os criminosos esquerdumes. A coisa é muitíssimo séria.

Passo-lhes alguns links: https://www.youtube.com/watch?v=gx03a-SB5SA

https://www.youtube.com/watch?v=VJbVIrajle0

Eduardo

Anónimo disse...

Foiceboock, arbitrariamente e a soldo do esquerdume mundial, cancela 200 contas e mais de 80 perfis de cidadãos Brasileiros. Todos conservadores. Um crime!

Vejam este vídeo do filósofo e jornalista Olavo de Carvalho, que mora há quinze anos em Nova Jersei - EUA.

https://www.youtube.com/watch?v=9PG9PXzDlDQ

Eduardo - Brasil

Pedro disse...

Eduardo disse ...
"Foiceboock, arbitrariamente e a soldo do esquerdume mundial, cancela 200 contas e mais de 80 perfis de cidadãos Brasileiros. Todos conservadores. Um crime!"

O lado bom é que o reptiliano (((Zuckerberg))) perdeu 16,8 bilhões de dólares. O Foicebook vai acabar que nem o Orkut.

Sandisk disse...

Outra notícia que pode ser interessante https://www.dn.pt/poder/interior/quem-e-o-portugues-julgado-por-pertencer-ao-estado-islamico-9629997.html e https://www.sabado.pt/portugal/seguranca/detalhe/jhiadista-acoriano-aliciava-criancas - Jihadista açoriano aliciava crianças A namorada obrigava o irmão a ver vídeos de de piloto a ser queimado vivo. E havia também um grupo de WhatsApp onde célula tentava recrutar crianças entre os 12 e 16 anos.
Fábio Almeida, ou "Abdurraman Al Portugali", mostrava-se bastante crítico aos emigrantes portugueses a residir em França. Em conversa com Sanae Boughroum, o açoriano fez um desabafo gravado e usado na Autoridade Nacional: "Têm-me passado coisas pela cabeça que nem imaginas... Portugueses de merda, os kafires [infiéis] merecem morrer todos. Tenho muita raiva contra eles. Odeio os kafir."

Afonso de Portugal disse...

Muito obrigado, caro Sandisk! E pensar que as "nossas" elites abrilinas insistem em querer fazer-nos engolir a treta de que a "nossa" comunidade islâmica é pacífica e que "jamais haverá um atentado jiadistas em Portugal"! Prometo publicar nos próximos dias...

Afonso de Portugal disse...

Eduardo, muito orbigado pelos links! Prometo denunciar essa situação nos próximos dias!...

SanDisk disse...

http://expresso.sapo.pt/dossies/diario/2018-07-23-Acoriano-julgado-em-Espanha-tinha-65-mil-fotos-e-96-videos-de-decapitacoes-e-armas-do-Daesh#gs.VYC3tzw mais este link