quinta-feira, 13 de julho de 2017

O caso da esquadra de Alfragide cheira a esturro: uma das acusadas não estava na esquadra durante as alegadas agressões!


Um muito obrigado! ao Raghnar por nos ter trazido aqui esta notícia:

«A subcomissária da PSP Ana Hipólito - incluída na lista de 18 acusados pelo Ministério Público - não fazia parte da esquadra onde ocorreram os alegados maus tratos aos seis jovens da Cova da Moura, nem esteve nas instalações no dia dos acontecimentos. A informação é avançada por fontes policiais.

A sub-comissária, actualmente colocada em Matosinhos, comandava, na altura, a 64ª esquadra de Alfragide, e garante, que nesse dia, não entrou nas instalações da Esquadra de Intervenção e Fiscalização Policial (localizada na mesma rua da 64ª esquadra), onde as alegadas agressões aconteceram. 

 
Em causa estão 18 elementos da PSP, acusados por denúncia caluniosa, injúria, ofensa à integridade física e falsidade de testemunho. O caso remonta a 5 de Fevereiro de 2015 e que envolveu agressões a jovens da Cova da Moura na esquadra de Intervenção e Fiscalização Policial, em Alfragide, concelho da Amadora. 

Na altura dos acontecimentos, a PSP relatou que um grupo de cerca de 10 jovens tentou invadir o local, na sequência da detenção de um jovem que atirou uma pedra contra uma carrinha policial, tendo depois os restantes jovens, com idades entre os 23 e 25 anos, tentado invadir a esquadra.

A acusação defende que os elementos da PSP espancaram, ofenderam a integridade física e trataram de forma vexatória, humilhante e degradante as seis vítimas, além de incitarem à discriminação, ao ódio e à violência por causa da raça.» 

Este caso cheira a tramóia politicamentecorrecta desde o primeiro momento... e esta notícia só vem aumentar as suspeitas de que algo muito sinistro está por detrás desta acusação do MP aos agentes!

7 comentários:

Lura do Grilo disse...

É apenas mais uma manobra para atar de pés e mãos a polícia com base em sofismas.

Assim foi a polícia algemada em Rotheram e milhares de raparigas menores pagaram com o corpinho os delírios de uma tralha política ignóbil.

João José Horta Nobre disse...

«Este caso cheira a tramóia politicamentecorrecta desde o primeiro momento... e esta notícia só vem aumentar as suspeitas de que algo muito sinistro está por detrás desta acusação do MP aos agentes!»

Como é óbvio... Pessoalmente, suspeito de que há a mão de uma certa van Dunem por detrás da coisa...

Ivan Baptista disse...

E entretanto ontem em Loures nas festas do Catujal

http://www.cmjornal.pt/portugal/detalhe/policias-apedrejados-por-multidao-em-furia

Pá, eu falei sobre o abuso de poder mas, nestes casos, a policia tem toda,repito,mas TODA, a legitimidade para o uso da força >:(

Cacetada neles

Ivan Baptista disse...

Lol só para desanuviar :P - https://www.youtube.com/watch?v=AadlqZzwwXg

Bilder disse...

Se os polícias(em conjunto)tivessem mais união e interesse pela defesa da sociedade(e do país)e não protestarem só para interesse corporativo e pessoal,tenho a convicção que não chegavamos a isto(e isto num contexto onde cada vez mais acontecem casos de polícias agredidos sem consequências.Se tiver dúvidas no que quero dizer voltarei a responder(obviamente sabemos que as leis,criadas por gente alucinada e governos neomarxistas e liberalinhos influenciam bastante,para além é claro da aplicação surrealista da lei pelos tribunais).

João José Horta Nobre disse...

«Pá, eu falei sobre o abuso de poder mas, nestes casos, a policia tem toda,repito,mas TODA, a legitimidade para o uso da força >:(

Cacetada neles»

Caro Ivan, por mim a polícia podia e devia era de metralhá-los a todos. Não se perdia nada...

Afonso de Portugal disse...

Lura do Grilo disse...
«Assim foi a polícia algemada em Rotheram e milhares de raparigas menores pagaram com o corpinho os delírios de uma tralha política ignóbil.

Exactamente, caro Lura do Grilo! O que o MP e o SOS Racismo estão a tentar fazer é condicionar a polícia e limitar a sua capacidade de actuação!


João José Horta Nobre disse...
«Pessoalmente, suspeito de que há a mão de uma certa van Dunem por detrás da coisa...»

Sim, sim, mas não só. Quem fez este processo andar foi o SOS Racismo... só que o "jovem" Mamadou Ba, que preside àquela aberração, claramente não tem iteligência para uma manobra deste género. Portanto, há aqui manobras de bastidores...


Ivan Baptista disse...
«E entretanto ontem em Loures nas festas do Catujal»

Que vibrante, pá! O que dirá o Mamadou Ba deste episódio? :P


« eu falei sobre o abuso de poder mas, nestes casos, a policia tem toda,repito,mas TODA, a legitimidade para o uso da força >:(»

Claro que tem!... Mas se as forças de segurança não tiverem testemunhas que corroborem a sua versão dos acontecimentos, o SOS Racismo há-de arranjar sempre forma de os culpar!


«https://www.youtube.com/watch?v=AadlqZzwwXg»

LOL! Foi uma pena terem acabado com estes bonecos! Houve uma fase é que eles chegaram a ser brilhantes!


Bilder disse...
«Se os polícias(em conjunto)tivessem mais união e interesse pela defesa da sociedade(e do país)e não protestarem só para interesse corporativo e pessoal,tenho a convicção que não chegavamos a isto»

Ora, aí está! Eu tenho um grande respeito pelas nossas forças de segurança mas, infelizmente, elas não escapama à idiossincrasia "tuga" do "cada um por si" e "esperto é quem se governa"...