quinta-feira, 2 de fevereiro de 2017

Antifas expulsam violentamente patriotas de universidade americana. Os mé(r)dia nem piam!


      Não sei se os meus leitores se aperceberam, mas um grupo de antifas violentos protagonizou um episódio muito grave ontem à noite na Universidade de Berkeley (Califórnia). Estava agendado um evento com o Milo Yiannopolous, mas os antifas -muitos dos quais alógenos!- acabaram por conseguir cancelá-lo, espancando brutalmente as pessoas que se preparavam para assistir, mulheres incluídas!

OS MÉ(R)DIA OCIDENTAIS, EM PARTICULAR OS "TUGAS", ESTÃO EM SILÊNCIO ABSOLUTO!

Algumas imagens do sucedido podem ser vistas aqui. Reparem na loira do primeiro vídeo, com a cara coberta de gás pimenta (vê-se perfeitamente que tem uma substância alaranjada em redor dos olhos): ela é agredida com o pau de uma bandeira pelos criminosos antifas!



Aqui vemos outro dos presentes, a ser "enriquecido" pelos animais antifas:



E aqui vemos alguns dos mercenários antifas pagos pelos globalistas, iguais a si próprios:


Nesta fotografia podemos ver melhor os covardes:


Os youtubers de Direita estão a acompanhar este caso, pelo que vamos certamente ter muitos vídeos sobre o que aconteceu em breve. Mais uma vez, se não fossem as redes sociais, não saberíamos nada acerca disto!

Actualização: Aqui temos um primeiro vídeo, da Russia Today. Ainda sem som, apenas imagens...



Actualização (2): os mé(r)dia, sempre tão lestos a denunciar os "tuítes fascistas" do PresidenteDonald Trump, não parecem ter dado conta deste:


15 comentários:

Bilder disse...

Vi isso agora no tele-coiso da sic(acho eu pois estou sempre no zapping a procurar e a fugir do tele-lixo)e acho anormal(se é que há alguma coisa normal hoje em dia)que a polícia permita a essa canalha fazer quase tudo(já o tinham feito de alguma forma no dia da tomada de posse do Trump)e com a cara tapada com gorros(a polícia americana ficou fraca?).Outra coisa,ouvi uma alucinada de esquerda(ou liberal ou lá o que é) a justificar a acção "terrorista" pelo facto do dito discursante(o tal Anapoulos,ou lá como se chama,que até é gay,onde esão as ilgas deste mundo?)ter dito umas coisas que os alucinados de esquerda/liberalinhos não gostaram e então tinham que se defender,Lol.Vou agora ver alguns sites da imprensa venal e afins para ver se há mais sobre isso,mas tive a ver o da rtp ainda há dez minutos e nada sobre tal.

Afonso de Portugal disse...

«Outra coisa, ouvi uma alucinada de esquerda a justificar a acção "terrorista" pelo facto do dito discursante ter dito umas coisas que os alucinados de esquerda/liberalinhos não gostaram e então tinham que se defender,Lol.»

Sim, sim! Já houve várias "intelectuais" de esquerda que vieram com essa conversa! Agora, na América, quando não se gosta do que se ouve parte-se para a porrada! Muito bem!... Esta gente está mesmo a precisar de um valente correctivo!!!

Dr. No disse...

Também deu na TVI: disseram que a Univ. ficou "de pernas para o ar".

Andaram a ensinar o Marxismo Cultural nas universidades, encheram a cabecinha fraquinha dos estudantes com lixo e agora recolhem os frutos do seu trabalho. "Parabéns" pela m**** alcançada.

João José Horta Nobre disse...

Isto que a esquerda está a fazer, esta violência social, no fim, vai acabar por se virar contra a própria esquerda. O Trump no fundo sabe disto e por isso mesmo é que ele está um pouco passivamente a assistir e a deixar os animais antifa destruírem um pouco de propriedade pública, precisamente para depois ter uma boa justificação para cair em cima deles.

A ideia dele cortar os fundos federais às universidades que permitem esta pouca vergonha também é boa. Assim pode ser que os reitores e professores de esquerda comecem a pensar duas vezes antes de incentivar os seus alunos a irem para a rua fazer essas coisas.

Afonso de Portugal disse...

Dr. No disse
«Andaram a ensinar o Marxismo Cultural nas universidades, encheram a cabecinha fraquinha dos estudantes com lixo e agora recolhem os frutos do seu trabalho. "Parabéns" pela m**** alcançada.»

Pois! E eu não ficaria nada admirado se muitos destes antifas tiverem sido pagos pelos 'Soros' do costume!


João José Horta Nobre disse...
«Isto que a esquerda está a fazer, esta violência social, no fim, vai acabar por se virar contra a própria esquerda.»

Espermos bem que sim, caro JJHN, porque isto está a ultrapassar todos os limites! Vejam só como é que o inenarrável Al-Público descreveu esta situação:

https://www.publico.pt/2017/02/02/mundo/noticia/trump-ameaca-cortar-fundos-a-universidade-de-berkeley-1760603

Nenhuma menção ao facto de ter havido várias pessoas covardemente agredidas! O Milo -um guei judeu ou pelo menos com ascendência judaica- é descrito como um racista primário! Os manifestantes são descritos como "alunos indignados" que estavam apenas a defender-se! Que NOJO!!!!! Isto são fake news! Mas este é precisamente o jornal mais respeitado pelas elites "tugas"!

Dr. No disse...

"Pois! E eu não ficaria nada admirado se muitos destes antifas tiverem sido pagos pelos 'Soros' do costume!"

Por acaso, já me tinha questionado como é que esta gente das manif's sobrevive porque passam horas e dias seguidos na rua. É óbvio que não trabalham porque isso é uma exploração, uma injustiça e uma ofensa. Então, como sobrevivem? Com subsídios?

Anónimo disse...

Que continuem, pode ser que o Trump os catalogue como "grupos terroristas que colocam em causa a segurança nacional" e os meninos vão para Guantanamo fazer companhia aos Islamicos que os antifa tanto admiram e nem os "fake" meRdia os vão salvar ;)

Ass: FdT

Afonso de Portugal disse...

Dr. No disse...
«Por acaso, já me tinha questionado como é que esta gente das manif's sobrevive porque passam horas e dias seguidos na rua. É óbvio que não trabalham porque isso é uma exploração, uma injustiça e uma ofensa. Então, como sobrevivem? Com subsídios?»

Parece que sim, caro Dr. No. E olhe que alguns dos "subsídios" não são nada maus:

http://abcnews.com.co/donald-trump-protester-speaks-out-i-was-paid-to-protest


Filho ad Truta disse...
«Que continuem, pode ser que o Trump os catalogue como "grupos terroristas que colocam em causa a segurança nacional" e os meninos vão para Guantanamo fazer companhia aos Islamicos que os antifa tanto admiram e nem os "fake" meRdia os vão salvar ;)»

Essa é a minha grande esperança! Ainda agora passei os olhos pelos comentários ao vídeo do Paul Joseph Watson sobre este motim... há lá uns quantos comentadores que confessam ter votado republicano pela primeira vez nas suas vidas devido a este tipo de comportamento por parte do esquerdalho! Algo parece realmente estar a mudar! :)

João José Horta Nobre disse...

"alunos indignados"

AHAHAHHAHAHAHHA, então imagine-se o que será se fossem violentos na definição do Al-Público...

Afonso de Portugal disse...

Espero que esse jornal acabe. A sério, por princípio sou a favor da existência de várias fontes de informação alternativas e todos os grandes jornais "tugas" são execráveis, mas o Al-Público tornou-se mau demais para ser verdade! Praticamente já não há notícia no Al-Público que não seja distorcida de uma forma grosseira, com pormenores importantes a serem omitidos. Já não é um jornal, é um instrumento de desinformação...

Bilder disse...

Sabem o que é mais "curioso"?o jornal Público é do grupo económico daquele capitalista "selvagem"(ou assim o pintam os esquerdistas)dono do continente e afins.O que será que está errado aqui?Hummm.

Bilder disse...

Sabem o que é mais "curioso"?o jornal Público é do grupo económico daquele capitalista "selvagem"(ou assim o pintam os esquerdistas)dono do continente e afins.O que será que está errado aqui?Hummm.

Bilder disse...

Sabem o que é mais "curioso"?o jornal Público é do grupo económico daquele capitalista "selvagem"(ou assim o pintam os esquerdistas)dono do continente e afins.O que será que está errado aqui?(será mais um caso de capitalismo selvagem a fomentar o neomarxismo?).

Ivan Baptista disse...

É, são todos manifestantes da Sociedade civil contra o imperialismo e a globalização e mais coiso.. :)

Isto quer dizer que, nem toda a gente sabe viver em democracia... Quando foi no mandato Obama, não se ouviu falar numa unica vez sobre um protesto violento em massa . Até porque o Obama era o messias, a esperança infinita e mais além .. E também nunca ouvi falar no incentivo á violência gratuita por parte da oposição, no incentivo á anarquia, partir montras, queimar carros, motins, agressões e o diabo a 4...
Mas não sendo eu a favor da violência gratuita, ora só porque sim, ora então só porque as elites politicas, financeiras e não só.. são todas "fascistas", e é por isso necessário uma "revolução" e etc e tal.. O melhor é o Trump ter mais cuidado com o que diz, até porque se pode tornar muito perigoso para o lado dele !
Por enquanto e ainda na maioria dos casos, os manifestantes são na sua maioria "esquerda" caviar, mas, se o Trump ignorar e ou Trair os Norte-americanos mais desfavorecidos e ou os mais fracos, então ai ele está bem lixado, mas bem lixado !
Quanto aos ilegais ? Pois bem, é mandá-los a todos de traineira lá para o canada até á casa do trudeau (o novo messias), até porque pode ser que ele os trate bem lá da suadinha deles, todos.. Ilegais, "refugiados", narcotraficantes, guerrilheiros da FARC, terroristas... Tudo para lá ;)

João José Horta Nobre disse...

«mas o Al-Público tornou-se mau demais para ser verdade! Praticamente já não há notícia no Al-Público que não seja distorcida de uma forma grosseira, com pormenores importantes a serem omitidos. Já não é um jornal, é um instrumento de desinformação...»

Pessoalmente, acho que o Diário de Notícias é ainda pior. Pelo menos é tão mau quanto o Al-Público.