terça-feira, 3 de janeiro de 2017

"O racismo anti-branco não existe, pá!"



Só lamento que isto não aconteça a todos os "guerreiros da justiça social" que dizem que os negros não podem ser racistas porque "racismo = preconceito + privilégio"! Suponho que esta menina bebé de apenas um ano foi covardemente assassinada pelo genocida negro porque estava cheia de preconceito e de privilégio, certo? CERTO?...

2 comentários:

Bilder disse...

E o lamentável é que muitos não aprendem nem que lhes aconteça algo(morte agora à parte).

Afonso de Portugal disse...

Alguns até chegam ao ridículo de dizer que a violência perpetrada pelos negros se deve à "opressão do homem branco"! Caramba, só é pena que estes inúteis não morram todos às mãos dos seus queridinhos!