sábado, 15 de agosto de 2015

Iminvasores trocam mimos e benefícios na ilha grega de Kos


Aqui ficam imagens de cerca de cinquenta "refugiados" estacionados na ilha grega de Kos a "enriquecerem-se" mutuamente. Vi o vídeo duas vezes, mas não consegui perceber quando é que o "enriquecimento" teve lugar, acho que a locutora não especifica.

Os "refugiados", oriundos do Afeganistão, Irão e Paquistão (portanto, são mais "refujiadistas" do que "refugiados"), trocaram socos, pontapés e até pedradas entre si. A locutura diz que a culpa é do calor, que fez exaltar os ânimos...



Ora, se eles são todos muçulmanos e já se "enriquecem" assim, imaginem quanto nos "enriquecerão" a nós, "infiéis", quando entrarem definitivamente na Europa! Mas os europeus continuam a votar nos traidores que os trazem para cá...

Estranhamente, também há refugiados sírios cristãos a desembarcar em Kos... porque será que não causam tantos problemas?

2 comentários:

FireHead disse...

Devem ser escaramuças entre sunitas e xiítas.

Afonso de Portugal disse...

Parece que afinal é mais simples do que isso: no site da Pamela Geller diz-se que os Afegãos, Iranianos e Paquistaneses foram os agressores... e os que levaram porrada são refugiados sírios, maioritariamente cristãos!

Obviamente, não podemos saber com certeza quem tem razão, mas como a Euronews é extremamente politicamente correcta, eu tendo mais para a versão do Atlas Shrugs...