quarta-feira, 26 de agosto de 2015

A porca começa finalmente a sentir o calor...


«A chanceler alemã, Angela Merkel, foi vaiada esta quarta-feira este Mércores por manifestantes à chegada ao centro de refugiados de Heidenau (Saxónia, leste) que no fim de semana foi atacado por simpatizantes da extrema-direita. 

Do lado oposto da estrada, cerca de 200 pessoas vaiaram Merkel e gritaram frases como "traidora, traidora" e "somos esta gente". 

A segunda frase é uma referência às palavras ditas na segunda-feira Lues pelo "número dois" do governo, Sigmar Gabriel, que numa visita ao local, referindo-se aos atacantes, afirmou: "Para esta gente só há uma resposta: polícia, justiça e, se necessário, prisão". 

Scheisse! Não vinha preparada para todo este calor!

«"Preocupa-te primeiro com os teus", gritou uma idosa na direcção de Angela Merkel, enquanto vários automóveis que passavam na rua buzinavam, respondendo a apelos lançados por grupos extremistas nas redes sociais. 

Angela Merkel foi recebida pelo primeiro-ministro do governo da Saxónia, Stanislaw Tillich, e pelo presidente da câmara de Heidenau, Jürgen Opitz, e entrou no centro de refugiados sem fazer declarações, reunindo-se em seguida com funcionários e voluntários.»

Comentário do blogueiro: reparem em mais uma distorção do Correio da Mamã, as pessoas atenderam aos apelos dos "extremistas"!!! Mas isso não fará das pessoas também extremistas? Ou será que os jornaleiros cá do burgo acham que as pessoas são parvas e os extremistas são muito espertos?

Quanto aos protestos, são muito louváveis, mas a senhora que interpelou a Mer(d)kel está enganada; a "chancelerina" não é uma dos seus; ela é uma mundialista, pertencem a uma superclasse à parte. É por isso que ela não quer saber dos alemães para nada. Antes pelo contrário, quanto mais depressa se vir livre deles melhor!

2 comentários:

João José Horta Nobre disse...

"reparem em mais uma distorção do Correio da Mamã, as pessoas atenderam aos apelos dos "extremistas"!!! Mas isso não fará das pessoas também extremistas? Ou será que os jornaleiros cá do burgo acham que as pessoas são parvas e os extremistas são muito espertos?"

Os verdadeiros extremistas são essa escumalha imunda da "democracia" à la Wall Street e os compadres que os rodeiam. Já escrevi um artigo a propósito disso nas últimas europeias:

http://historiamaximus.blogspot.pt/2014/06/afinal-quem-sao-os-verdadeiros-fascistas.html

Afonso de Portugal disse...

Creio já ter lido esse seu artigo, mas prometo passar por lá novamente para ter a certeza. Saudações!