sábado, 30 de junho de 2018

Paul Joseph Watson fala sobre o declínio da comédia nos EUA e no Reino Unido (com legendas)


     Misturar comédia com política é sempre uma receita arriscada. É preciso ser realmente bom, como humorista, para conseguir que essa mistura resulte. E como grande parte dos humoristas dos nossos dias não tem talento, foram apenas levados ao colo por pertencerem ao partido certo (ou à religião certa, ou à etnia certa), a comédia contemporânea anglófona, que outrora nos presenteou com Monty Python, Blackadder, Fry and Laurie, Benny Hill e tantos outros, está a perder qualidade...

6 comentários:

Ana Maria disse...

Em Portugal acontece o mesmo. Nao ha um unico programa de humor que tenha mesmo graca. Em tempos o canal Q ate valia a pena Mas agora esta por conta dos esquerdalhos e definitivamente humor e coisa que eles nao tem. a mosca na RTP idem. Isto e o deserto...

Afonso de Portugal disse...

Eu já praticamente não vejo televisão, mas não me lembro de ver um programa realmente divertido na televisão portuguesa. As pessoas gostam muito do Herman José e eu não nego que ele teve alguns momentos de génio, como a criação da personagem do Diácono Remédios. Mas mesmo no seu auge, o Herman nunca me conseguiu fazer rir como o Mr. Bean, nem pensar profundamente em certos assuntos comos os Monty Python. O humor dele era cliché e popularucho, não havia uma mensagem verdadeiramente transcendente nos seus sketches.

Nesse capítulo, achei os Gato Fedorento superiores, mas mesmo assim não particularmente brilhantes. O que não admira porque, sendo de esquerda, eles fazem parte do sistema que nos tem (des)governado, pelo que não têm liberdade para ultrapassar os limites do politicamente correcto.

Recentemente, por sugestão de uma amiga, tentei ver os Contemporâneos, mas desisti rapidamente. Não é que não haja ali algum talento (o pequenote Manuel Marques é realmente um imitador muito competente), mas aquilo é uma valente seca, não se aprende nada, as piadas estão ao nível dos malucos do riso e são politicamente inócuas. Um autêntico deserto, como a Ana Maria bem referiu!

Bilder disse...

Atenção(se este post estiver certo podemos estar à beira de algo em grande) https://divinecosmos.com/davids-blog/21127-new-briefings-alliance-seizing-trillions-stolen-by-deep-state-preparing-to-give-it-back/

Afonso de Portugal disse...

É bom demais para ser verdade, caro Bilder. Só acredito quando vir!

Bilder disse...

Bom,a verdade é que eu também dúvido até ver como S.Tomé(ou a ver vamos como diz o "ceguinho"),seja como for é interessante seguir os diagnósticos assertivos no site mencionado.

Ricardo disse...

Estive a ler o link do Bilder e h+a mais aqui https://kauilapele.wordpress.com/2018/07/04/david-wilcock-7-3-18-update-on-his-latest-article-this-may-not-be-the-alliance-you-want-but-it-is-the-alliance-you-have/