quinta-feira, 22 de março de 2018

«O feminismo não tem nada a ver com a esquerda ou com a direita, pá!»


Claro que não, pá! Essa ideia de que o feminismo é um braço da esquerda é simplesmente ridícula!
O raio dos nacionalistas, sempre com a suas teorias das conspiração! 
(repare-se também no que está escrito no cartaz amarelo mais à esquerda) 

____________
Ver também:

"Criticar o feminismo não interessa ao combate nacionalista, pá!"
Fórmula 1 decide banir as grid girls por "estarem em desacordo com as normas actuais da sociedade"
Paul Joseph Watson: «A guerra contra os homens» (com legendas)
Al-Público promove as "novas feministas"... (porque as velhas já não pegam)

4 comentários:

Pedro disse...

O engraçado é que todos os regimes socialistas foram governados exclusivamente por homens. Precisamos de Sharia Branca para ontem para acabar com o feminismo.

Afonso de Portugal disse...

Primeiro temos de recapturar as nossas instituições ao inimigo. Só depois poderemos discutir a implementação ou não desse género de sistemas.

Leitora disse...

Mas será q essas criaturas são pagas pra isso ou são patetas ideológicas mesmo? E no cartaz ainda por cima a figura de uma "jovem" parideira de estupradores, marginais e etc. E nenhuma "Jovem" entre as três patetas. Deveria haver era uma espécie de ditadura de direita que embarcasse imediatamente sem possibilidade de volta qualquer um defendendo o socialismo para: Cuba, Venezuela ou Coreia do Norte ou algum socialista da África que eu nem sei quais são. Elas que vão lá ver se lá não tem "barreiras" também. Será que o Kim vai aceitar essas patetas ?

Afonso de Portugal disse...

Leitora disse...
«Mas será q essas criaturas são pagas pra isso ou são patetas ideológicas mesmo?»

Boa pergunta. É possível que sejam pagas, mas eu já conheci algumas feministas e elas são mesmo assim, encaram a luta contra o "patriarcado" como uma extensão da luta de classes marxista.


«Deveria haver era uma espécie de ditadura de direita que embarcasse imediatamente sem possibilidade de volta qualquer um defendendo o socialismo para: Cuba, Venezuela ou Coreia do Norte ou algum socialista da África que eu nem sei quais são. Elas que vão lá ver se lá não tem "barreiras" também. Será que o Kim vai aceitar essas patetas?»

Ehehehe O Kim mataria elas imediatamente, como fez com aquele jovem romântico norte-americano que julgava ter encontrado o paraíso na terra e acabou por ser barbaramente torturado até a morte. Mas você tem razão, devia haver um lugar para despejar todos os marxistas. Outro planeta, de preferência! Esta "gente" não merece viver aqui na Terra!