quarta-feira, 31 de maio de 2017

Sobre a eleição da Arábia Saudita para a Comissão dos Direitos Humanos das Mulheres (ONU)


      Como os meus leitores certamente saberão, o reino da Arábia Saudita -esse país tão progressista e modernaço- é, desde Abril deste ano, membro integrante da Comissão para os Direitos Humanos das Mulheres das Nações Unidas. Uma vitória feminista, pois claro! A eleição -sim, a Arábia Saudita foi eleita por votação secreta- causou perplexidade mesmo até entre os mé(r)dia afectos ao globalismo, como por exemplo a insuspeita revista Fortune.

Neste vídeo, podemos ver e ouvir Hillel Neuer (fujam, nazionaliztaz, que ele é judeu!) director da UN Watch, denunciar o que está por trás desta escandalosa nomeação. E diagnostica, por volta dos 1m29s: «A Arábia Saudita é membro integrante do Conselho dos Direitos Humanos da ONU há já uma década e não melhorou em nada o seu registo em matéria de direitos humanos.»

2 comentários:

Armor King disse...

Vindo da Eurábia não se esperaria outra coisa afinal de contas "Guerra é paz, liberdade é escravatura e ignorância é força."

Já viu o twite que esta a fazer furor da atriz e apresentadora kathy Griffin.

https://www.google.pt/imgres?imgurl=http://ll-media.tmz.com/2017/05/30/0530-kathy-griffin-graphic-donald-trump-head-cut-off-tyler-sheilds-03-210x120.jpg&imgrefurl=http://www.tmz.com/2017/02/13/lil-yachty-rainbow-colored-grill-grammy-awards/&h=120&w=210&tbnid=yq9F5ctIV7YStM&tbnh=120&tbnw=210&usg=__aYusO2aTu-wUsdxwSTSBfXJXuFU=&docid=2CjMxRcVr9StLM

Com imagens destas faz me perguntar se a esquerdalhada/democratas e o EIIL não serão o mesmo? Mas uma coisa posso garantir, é que ela culturalmente se apropriou dos customes muçulmanos e por ser branca isso é inaceitável!

Também na semana passada a RT fez uma entrevista ao presidente das filipinas Rodrigo Duterte, aquele que as fake news de confiança, dizem ser um assasino e criminoso, por ir atrás dos pobres barões da droga e afins,quem ouve o que ele tem para dizer até parece que ele tem senso comum e quer o melhor para as Filipinas.

https://youtu.be/rHjlCmdyesY

Afonso de Portugal disse...

Obrigado pelos links, caro Armor King! O da Kathy Griffin é especialmente revelador. Imagine-se que em vez da cabeça do Trump tinha sido a do Obama... alguém tem dúvidas que a fulana seria imeditamente despedida e ostracizada como uma racista primária, sanguinária, genocida e sabe-se lá que mais?

Assim, não se passa nada. Para muitos, até será arte...