terça-feira, 28 de março de 2017

Chinocas em França decidem imitar os "jovens"!


«A polícia francesa deteve 35 pessoas durante manifestações de protesto, ocorridas na segunda-feira Lues, que degeneraram em confrontos violentos, em Paris. Os manifestantes, chineses ou descendentes de chineses, saíram à rua para protestar contra a morte de um compatriota que foi abatido pela polícia no domingo Soles.

A versão oficial do caso dá conta que a polícia foi chamada a resolver uma situação de violência doméstica e que Liu Shaoyo, um homem de nacionalidade chinesa, tentou agredir um agente com uma faca. Foi então abatido por um agente, na noite de domingo Soles. A família, porém, contesta a versão da polícia, afirmando que não havia qualquer disputa doméstica e que o homem foi baleado sem aviso prévio, depois de um vizinho ter chamado a polícia por ter ouvido gritos.»

Chinocas armados em "jovens"... só podia ser na "cidade do amor"!

«As autoridades parisienses revelaram que cerca de 150 "membros da comunidade asiática" reuniram-se na segunda-feira Lues junto a uma esquadra da polícia, no nordeste de Paris. Três polícias ficaram feridos durante os confrontos e um veículo da polícia ficou danificado, devido ao lançamento de um engenho incendiário.

O caso ganhou, entretanto, proporções internacionais. A China apelou esta terça-feira este Martes à França para que proteja a segurança e os direitos dos seus cidadãos, depois de a polícia ter matado um chinês, em Paris, motivando protestos violentos. Hua Chunying, porta-voz do Ministério dos Negócios Estrangeiros chinês, disse que Pequim pediu a Paris que "garanta a segurança e os direitos legais e interesses dos cidadãos chineses em França e que trate a reacção dos chineses a este incidente de forma racional".

Pequim apresentou já uma reclamação oficial às autoridades francesas, adiantou a porta-voz. Após saber da ocorrência, a China "ordenou imediatamente à sua embaixada em França que activasse o mecanismo de emergência e empreendesse diligências junto do lado francês, pedindo que fizesse uma investigação profunda sobre o incidente". "Por enquanto, esperamos que os nossos cidadãos em França possam expressar os seus desejos e exigências de uma forma legal e razoável", afirmou

Este episódio é realmente muito estranho, por vários motivos. Desde logo, pelo comportamento da comunidade chinesa, que tem sido pouco habitual em terras ocidentais. Mas sobretudo tendo em conta a falta de reacção que os chinocas têm normalmente para com os seus agressores em França. Onde estavam estes chineses indignados quando os muçulmanos atacaram a sua comunidade?

9 comentários:

João José Horta Nobre disse...

Cá para mim, o polícia que matou o chinoca é algum árabe ou africano e os chinocas finalmente perderam a paciência com essa gente. Até porque o Afonso repare, até agora ninguém disse que o polícia que matou o chinês era branco e portanto, isso para mim significa que ele provavelmente é algum alógeno. Se fosse um polícia branco, já toda a gente saberia. Posso estar enganado, mas isto parece-me ser o mais provável.

Os asiáticos não são como os europeus que não reagem porque têm a cabeça cheia de propaganda da Nova Ordem e lixo ideológico. Assim que a moirama começar a tentar ir-lhes à garganta, o Afonso logo vai vê-los a erguerem-se e a lutarem de volta com tudo o que têm.

Afonso de Portugal disse...

O caro JJHN é bem capaz de ter razão! Hoje em dia é muito difícil termos a certeza acerca do que quer que seja, porque os mé(r)dia só são claros quandos os agressores são inequivocamente brancos.

A confirmar-se, o que me surpreende neste caso é o facto de já ter havido problemas entre os muçulmanos e comunidade chinesa antes, mas só agora ela se estar a revoltar. É essa parte desta história que está mal explicada...

CENSURADO AGAIN disse...

bem estranho por que alguem vai atacar com uma faca obvio a la jean charles grupo bucha o policial x se fosse de outros grupos ja sabemos quais o policial deixava ate fazer cavalinho e comia a merda

Dr. No disse...

Que novidade:
http://www.alertadigital.com/2017/03/27/el-terrorista-de-londres-financiaba-su-adiccion-a-las-drogas-y-las-prostitutas-con-las-ayudas-sociales-que-recibia-del-estado/

Kyndjal disse...

realmente, e possivel que estejam a tentar provocar asiaticos e depois retrata-los como vitimas de "racismo".mais caos,mais divisao...e possivelmente mais recrutas para a "esquerda" e "religiao da paz".

Afonso de Portugal disse...

Censurado Again disse...
«se fosse de outros grupos ja sabemos quais o policial deixava ate fazer cavalinho e comia a merda»

É por isso que eu acho que esta história está mal contada.


Dr. No disse...
«Que novidade»

Nunca falha! OS "pobres coitadinhos" que acabaram "maluquinhos" mamam sempre na teta do estado social europeu! É impressionante!


Kyndjal disse...
«realmente, e possivel que estejam a tentar provocar asiaticos e depois retrata-los como vitimas de "racismo".mais caos,mais divisao...e possivelmente mais recrutas para a "esquerda" e "religiao da paz".»

Essa é uma possibilidade que não me tinha ocorrido e cuja probabilidade não é de todo desprezável. Hoje em dia, não há estratégia, por masi suja que seja, que não seja utilizada pelos globalistas para atiçar as "minorias" contra os autóctones europeus.

CENSURADO AGAIN disse...

el-terrorista-de-londres-financiaba-su-adiccion-a-las-drogas-y-las-prostitutas-con-las-ayudas-sociales-que-recibia-del-estado

novidade o ogabo dos eua pegava dizimo dos trouxas brancos da naacp e torrava em putas e drogas o fbi ja tinha dito o luther king alias lutero era branco mas ate o tracio do orfeu o morfeu o berbere de olhos azuis hanibal roubam tudo se apropriam de tudo

CENSURADO AGAIN disse...

Blogger Kyndjal disse...
realmente, e possivel que estejam a tentar provocar asiaticos e depois retrata-los como vitimas de "racismo".mais caos,mais divisao...e possivelmente mais recrutas para a "esquerda" e "religiao da paz".

29 de março de 2017 às 11:09

demonizar os buchas pois o titulo é claro

CENSURADO AGAIN disse...

É por isso que eu acho que esta história está mal contada.

ainda assim o titulo parece ambiguo hehe