domingo, 5 de fevereiro de 2017

Adepto da "religião da paz" quis ir cultivar-se ao museu do Louvre...


...mas um soldado francês racista não o deixou entrar, pá! Islamofobiiiiiiiiiiiiiiiia!!!

«Um soldado francês abriu fogo, esta sexta-feira Vernes de manhã, contra um civil que tentava entrar no centro comercial subterrâneo do museu do Louvre, Paris, com uma catana.

O homem terá tentado atacar os membros da divisão antiterrorista
"Sentinelle", por volta das 10 horas, tendo acabado por ser baleado por um dos militares, informaram as autoridades francesas. O sujeito ficou gravemente ferido, estando agora com "prognóstico reservado", dizem os médicos. O suspeito terá corrido na direcção dos militares, dirigindo-lhes ameaças e gritando "Allah Akbar" ("Deus é grande" "Alá acima de todos" em árabe), disseram as autoridades, que garantiram que o homem não estava na posse de nenhum explosivo.»

É preciso ser realmente retardado para enfrentar alguém com este equipamento todo só com uma catana, mas os adeptos do credo do "profeta" pedófilo nunca foram propriamente engenheiros aeroespaciais...
 
«Um segundo indivíduo foi detido pelas autoridades, indicou o porta-voz do Ministério do Interior. O soldado, que disparou cinco vezes contra o suspeito, apresenta ferimentos ligeiros, na sequência da agressão com a arma branca que o homem trazia.

Segundo o actual primeiro-ministro, Bernard Cazeneuve, trata-se "visivelmente" de um "ataque terrorista". O Procurador da República francesa confirma a abertura de inquérito por terrorismo. O ministro do Interior do país, Bruno Le Roux, advertiu, na sua conta oficial do Twitter, para um "sério incidente de segurança" e vai reunir em Paris com os responsáveis pela segurança.

O museu do Louvre e o museu de Orsay foram evacuados e a circulação do metro de acesso aos mesmos foi limitada pela polícia, equipada com coletes à prova de balas. Cerca de mil visitantes do Louvre foram retirados.

Segundo o chefe da polícia de Paris, Michel Cadot, o suspeito de tentar um ataque terrorista, cuja identidade ainda não foi apurada, encontra-se em estado considerado grave por ter sido "atingido na barriga" e está a ser acompanhado no Hospital Georges Pompidou, na capital francesa, sob forte vigilância policial.»

Ah, Paris, a "cidade do amor"!... Só nos resta esperar que o animal islamista morra de vez... 

__________________________
Outras da "cidade do amor": 


Twilight Zone da diversidade: muslos esfaqueiam enriquecem crianças chinocas
Diversidade vibrante: "faquir" mostra as suas habilidades no metro de Paris!
A "selva" de Calais transferiu-se para Paris!
Bem-vindos à Europa (5)...
Em França: mais um muçulmano preso por planear um ataque terrorista
E enquanto dormíamos esta noite... mais um ataque terrorista islâmico em solo ocidental!
Bem-vindos à Europa (3)...  Para a posterioridade: a galeria dos "enriquecedores" de Paris
Três vídeos que vale a pena ver (12): os atentados terroristas islâmicos de Paris
O que é realmente preciso entender sobre Paris...
Hoje em França, amanhã em Portugal?
Paris, 13 de Novembro de 2015

2 comentários:

Dr. No disse...

Palavras duras de Dom Bosco sobre Maomé e o Islão:

https://senzapagare.blogspot.pt/2017/02/palavras-duras-de-dom-bosco-sobre-maome.html

Afonso de Portugal disse...

Muito interessante, caro Dr. No! Isto merece uma referência aqui no TU! É precisamente deste tipo de textos que a Igreja precisa desesperadamente!