quinta-feira, 29 de dezembro de 2016

«A única mulher»... e o "jovem" único!


     Um grande muito obrigado! ao Semente Original, que teve o trabalho de recolher a maioria dos vídeos e das fotos que integram o vídeo que segue. Eu juntei tudo e fiz este vídeo. Apesar de ser eu a narrar o vídeo, esta posta é tão minha quanto dele!

O tema do vídeo é o crescente apelo à miscigenação nos mé(r)dia "tugas", em particular na TVI, a televisão "independente" que se tem encarregado de promover os "valores" da superclasse mundialista entre os portugueses. Um aviso aos racialistas: este vídeo tem o potencial de vos fazer vomitar, por isso não o vejam se tiverem comido há pouco tempo!



Moral da história? Quanto mais longe da televisão, mais perto da sanidade! E da preservação racial também! Claro que depois estes animais me(r)diáticos queixam-se das "fake news"... não lhes passa pela cabeça que é a sua narrativa que já não pega e que é cada vez mais rejeitada pelas pessoas!

Ainda sobre este tema, vale a pena ler esta posta no Gladius para perceber que nem tudo está perdido!

10 comentários:

Lura do Grilo disse...

Praticamente deixei de ver televisão depois da campanha americana: raramente vejo um telejornal ou qualquer outro programa! E curiosamente sinto-me bem. Faço tudo por não comprar o que anunciam: é um boicote pequenino mas faço-o com gosto e convicção.

Afonso de Portugal disse...

LOL! Ora aí está uma atitude muito sensata! :) Eu ainda não me desintoxiquei completamente, porque ainda vejo um filmezito ou outro de vez em quando. Mas a cada ano que passa, dou comigo a apreciar cada vez menos o cinema hollywoodesco... portanto, ainda há esperança de me livrar totalmente do veneno! ;)

Claro que convém termos pelo menos uma noção daquilo que as televisões vão passando, quanto mais não seja para percebermos certos fenómenos políticos. Por exemplo, 85% dos portugueses teriam votado na bruxa Hilária se pudessem... ao ver televisão, percebe-se porquê!

Anónimo disse...

Ehehehe este vídeo provocou-me uma reacção bipolar: o riso devido aos seus comentários e o nojo pelo estado a que chegou PRETOgal :( com que então é isto que as miúdas dos bairros e as donas de casa andam a ver na TV... ainda noutro post estávamos a discutir a kalergização no futebol, pelos vistos é uma kalergização a nível de tudo o que é bases e massas populares: Telenovelas, futebol etc

Quase que dá vontade que venham uns sauditas para a direcção de programas da TVI para impor uma shariazinha nestas cenas vibrantes.

Ass: Filho da Truta

Afonso de Portugal disse...

«este vídeo provocou-me uma reacção bipolar »

LOL! Eu tive de fazer o vídeo assim, porque o nojo era tanto que tinha mesmo de me rir! A TVI ultrapassou largamente os padrões de politiquice correcta habituais em todo o Ocidente! Só mesmo a BBC é que foi tão longe em matéria de apelos à miscigenação!


«com que então é isto que as miúdas dos bairros e as donas de casa andam a ver na TV...»

É francamente preocupante! Não admira que se veja cada vez mais pitas com "jovens". O mais obsceno é que, do outro lado, temos a crescente feminização dos brancos, a quem são ditas repetidamente coisas do género: «vocês são maus, vocês oprimiram toda a gente ao longo dos séculos, vocês não podem ter orgulho na vossa história, muito menos de ser quem são, vocês têm de respeitar as mulheres, nada de olhar para elas de frente, que isso é misoginia!!!»

«estávamos a discutir a kalergização no futebol, pelos vistos é uma kalergização a nível de tudo o que é bases e massas populares: Telenovelas, futebol etc»

Sem dúvida. E o próximo passo vai ser kalergizar ainda mais os currículos escolares. Em vários países da Europa, estão a levar as crianças às mesquitas para aprenderem a "respeitar" o Islão! Isto dá-me cá um raiva!!! >:(

Anónimo disse...

"Não admira que se veja cada vez mais pitas com "jovens". "

Claro. O sonho molhado dos universalistas é uma geração de europeus de maioria ou quase maioria mestiça/negra que é para anular completamente bases populares nacionalistas/etnicistas caucasoides! Sem bases populares não há milagres. Para isso têm que sair muitos mulatos do ventre dessas pitas, é mesmo assim que as coisas são não vale a pena andar com rodeios.

A verdade, e sem querer ser derrotista, é que já conseguiram o queriam...basta ver o caso de Londres e Paris, bastiões do centro da Europa onde a maioria das crianças que nascem são não-brancas...já nada vai apagar o serviço feito pelas esquerdas e pela direita "cuck" a nível demográfico.

Ass: Filho da Truta

Afonso de Portugal disse...

«Sem bases populares não há milagres. Para isso têm que sair muitos mulatos do ventre dessas pitas, é mesmo assim que as coisas são não vale a pena andar com rodeios.»

Concordo plenamente! Eu tenho dito isso aos meus leitores muitas vezes: a demografia é tudo! Sem gente, não se faz nada! O mais surreal é haver nacionalistas que não querem ter filhos ou que acham que é necessário diminuir a população para "salvar o planeta". Isso é para quem tiver taxas de fertilidade acima dos 2.1 (taxa mínima de substituição populacional)! Os países ocidentais estão todos muito abaixo dessa marca, o problema são os países do segundo e do terceiro mundos!


«já nada vai apagar o serviço feito pelas esquerdas e pela direita "cuck" a nível demográfico.»

Também me parece que sim, infelizmente! A única solução seria expulsão de toda essa gente, o que é absolutamente impraticável, por motivos que só não são óbvios para os alienados do costume. Até mesmo a travagem da imigração está muito difícil. Todas as grandes forças mundiais (políticos, governantes, empresários, investidores, líderes religiosos, etc) estão alinhadas no sentido da continuidade da imigração. Vai ser muito difícil contrariá-los, sobretudo se nem sequer tivermos gente disposta a votar porque "isto só vai lá com uma revolução"!

Unknown disse...

O preto a cometer um crime no da sportzone foi qualquer coisa de hilário avô haha!

-Lattia

Afonso de Portugal disse...

Ele pode, caro Lattia... é um "pobre coitadinho" oprimido! Além disso, as paredes eram demasiado brancas... e tudo o que é demasiado branco é racista, logo tem de ser devidamente "enriquecido"! ;)

De resto já se sabe: quando um branco pinta uma parede, é vandalismo; mas quando um preto pinta uma parede, é arte! Olha que contente ficou a garina! :P

Ivan Baptista disse...

LOL Então se o Afonso vivesse onde eu vivo, provavelmente estaria em coma profundo :)
Eu também não gosto de ver essas cenas de pouca vergonha, em horário nobre, mas admito que vejo a novela em questão e acho piada á personagem da Alexandra Lencastre, a fazer o papel de Vilã ( ironia = onde para variar, os vilões são na sua maioria os personagens brancos ):)
Onde eu vivo, não é raro sentir-me algumas vezes em minoria, onde muitas vezes sinto-me um estrangeiro ou uma minoria no meu próprio país ( nem sempre é assim, mas já me aconteceu ) ! Mas isso é culpa daquilo que nos vendem ou pregam, como aquilo que é o certo ou errado, belo ou feio e etc.. E como há quem siga modas e se elas existem, de alguma maneira existe estes "fenômenos". Também não é de estranhar, os gostos que muito elas teem. Só acho estranho é, com tanta diversidade e tanto por onde escolher, as escolhas sejam sempre as mesmas ( que neste caso, pretos) ! Ou então bollycao´s :´(
Secalhar é por isso, que também temos um presidente da républica dos afectos, porque toda a gente o via na TV !
Quanto á(s) novela(s), bom, não se sinta surpreendido com essas cenas de luxuria :) Até porque muitos deles, provavelmente, já fizeram as mesmas cenas na vida real. Ainda dizem que é tudo com beijos técnicos e o caetano, mas eu é que não acredito muito nisso, isso é treta.
Não me surpreende nada, que por exemplo, as/os actoras/es, se tenham conhecido antes das cenas em Promiscuidade ... Um colega meu contou-me isso uma vez, e afirmou que eles «FILMAVAM» os actos íntimos de pessoas anônimas !! Secalhar é uma forma de estudar o comportamento sexual de homens e mulheres, que posteriormente eles depois imitam e fazem fazer ver em novelas, filmes e etc...Mais não sei, porque entretanto o homem faleceu, e apesar de eu não gostar e não lhe dar muita confiança ( talves por ser traiçoeiro ). Eu até lhe tinha dado uma certa razão. Até porque um dia, andava eu a passear num centro comercial que eu frequento, e meti ou meteram-se comigo, e dali saiu uma conversa sobre politica.. E o Sr. com aquele ar de monarca, falou-me na importância da monarquia e da importância de um Rei, e ao mesmo tempo, a importância das relações de que Portugal deve ter com Angola; dai o Sr. repetir, que (os Angolanos) , venham mais para cá (investir ? Ou colonizar/invadir?) !! Agora isto sou eu a dizer...Credo, mas é isto que é a monarquia ? Aposto que os Aventais, são uma elite de pró globalização e pró genocídio Caucasiano !!! Á, e também o nosso Presidente Marcelo ( que foi ao R.U beijar a mão da Queen Isabel II ) , fez um comentário sobre esta Telenovela da TVI, dando a importância, da união entre povos "irmãos" !! Estamos tramados, o mundo tá virado do avesso :/

Afonso de Portugal disse...

Ivan Baptista disse...
«(...)para variar, os vilões são na sua maioria os personagens brancos»

Essa é outra coisa que me irrita solenemente nos mé(r)dia. Mas aí o problema não é só a TVI, basta olhar para os filmes de Hollywood para percebermos rapidamente que, em mais de um século de cinema, o número de vilões "jovens" se conta quase pelos dedos de uma mão!


«Onde eu vivo, não é raro sentir-me algumas vezes em minoria, (...) um estrangeiro ou uma minoria no meu próprio país»

Eu, que não vivo na região de Lisboa, tenho muitas vezes essa sensação quando vou à capital! Imagino o degredo que não irá nas zonas mais periféricas, como a Amadora, Almada, Cascais, etc.


«Só acho estranho é, com tanta diversidade e tanto por onde escolher, as escolhas sejam sempre as mesmas ( que neste caso, pretos)!»

Como o objectivo é miscigenar a população europeia, o "macho" por excelência deve ser o "jovem"! É por isso que é ele o centro das atenções... e o objecto de desejo da mulher branca.


«Se calhar é uma forma de estudar o comportamento sexual de homens e mulheres, que posteriormente eles depois imitam e fazem fazer ver em novelas, filmes e etc.»

Eu não ficaria nada surpreendido! Aliás, os programas como o Big Brother e a Casa dos Degredos também servem para isso! Eles até escolhem os concorrentes mais broncos que é possível, precisamente para depois haver peixeirada! É brilhante: conseguem grandes audiências ao mesmo tempo que estudam o comportamento humano e aprimoram as suas técnicas de manipulação emocional!


«Aposto que os Aventais, são uma elite de pró globalização e pró genocídio Caucasiano !!!»

Basta olhar para a nossa classe pulhítica! Têm todos ou quase todos ligações à seita macabra!

«(...) também o nosso Presidente Marcelo (...) fez um comentário sobre esta Telenovela da TVI, dando a importância, da união entre povos "irmãos" !!»

:O A sério!? Tenho de ver se encontro essas declarações na net!!!