quinta-feira, 6 de outubro de 2016

Mais uma sondagem deprimente (4): em Portugal, a pérfida bruxa Hilária venceria por larga margem!


Como se já não bastasse sermos o país onde o escroque Bergoglio é mais popular!...

«Se os portugueses pudessem votar nas eleições presidenciais nos Estados Unidos, a candidata democrata Hillary Clinton venceria de forma destacada com 85% dos votos, contra os 5% registados pelo rival republicano Donald Trump, indica um estudo hoje divulgado.


Estes dados figuram numa sondagem realizada pela Win Gallup International (rede internacional da qual a empresa portuguesa Marktest é associada) em 45 países, incluindo em Portugal e nos Estados Unidos.

"Imagine que poderia votar nas eleições para a escolha do Presidente Americano, em quem votaria?" foi uma das várias questões colocadas aos inquiridos.

"Portugal foi o país que deu maior vantagem a Hillary Clinton sobre Donald Trump, no conjunto dos 45 países inquiridos. Na sondagem conduzida pela Marktest, 85% dos portugueses votariam Clinton, 5% Trump e 10% não sabem ou não responde à questão", referiu a empresa portuguesa de market research pesquisa de mercado e medição de audiências de média.

Em termos globais, 59% dos inquiridos votariam em Hillary Clinton para ser a nova hóspede da Casa Branca, 25% em Donald Trump, enquanto 16% não sabe ou não responde à questão. A ex-secretária de Estado norte-americana venceria destacadamente na generalidade dos países envolvidos no estudo. A excepção seria a Palestina e a Rússia, onde Donald Trump sairia vencedor, com 40% e 33% de intenções de voto, respectivamente.»

Comentário do blogueiro: e ainda há quem se admire por sermos um país tão atrasado! A enorme vantagem que a pérfida bruxa Hilária obteve nesta sondagem é bem reveladora do quão facilmente os "tugas" vão nas cantigas que os mé(r)dia os fazem engolir! É que 85%-5% é um resultado demasiado enviusado tendo em conta que os dois candidatos são ideologicamente muito próximos, sobretudo tomando a realidade política portuguesa como referência. O resultado global para os 45 países (59%-25%) é muito mais razoável e equilibrado!

O que se passa aqui, afinal? Na minha modesta opinião, os portugueses ainda dão ouvidos àquilo que vêem e ouvem na televisão e na rádio, ou que lêem nos nossos jornais. E isso é triste, muito triste, porque faz de nós um povo facilmente manipulável. Conforme vos mostrei aqui, a confiança dos norte-americanos nos seus mé(r)dia têm-se deteriorado desde os anos 90 e não é por acaso!...

Mas lá está, o bom "tuga" (não confundir com português), do alto da sua arrogância prepotente, vocifera constantemente que "os americanos são burros, pá!" e que o "tuga" é que sabe melhor. Deve ser por isso que os EUA (ainda) são a maior potência económica, militar e tecnológica do mundo, enquanto Portugal não pára de cair nas tabelas do Índice de Desenvolvimento Humano...
___________
Ver também:

Deprimente: Portugal é o país onde o papa Francisco tem mais popularidade!
Sobre a confiança dos norte-americanos nos seus grandes mé(r)dia
Mais uma sondagem esclarecedora...

6 comentários:

Lura do Grilo disse...

O português forma opinião nas TVs e nas rádios. Nunca pensei que um dia os midia viriam a ter um poder tão tremendo.

Afonso de Portugal disse...

Eu também não! Fiquei sinceramente chocado com esta sondagem... já sabia que a bruxa Hilária ganhava em Portugal, basta ver que todos os partidos políticos com assento parlamentar a apoiam.

Mas estes valores (85%-5%) são absolutamente escandalosos, quase terceiro-mundistas! São situações como esta que me fazem duvidar que o nosso país tenha futuro... com gente tão pouco habituada a pensar por si própria, parece-me realmente difícil irmos a algum lado!

João José Horta Nobre disse...

Portugal é um País onde a extrema-esquerda reúne mais de 10% dos votos. Isso só por si já explica tudo...

Afonso de Portugal disse...

10%, caro JJHN? Quem nos dera que fosse assim tão bom! Atente-se no resultados das últimas legislativas (http://www.eleicoes.mai.gov.pt/legislativas2015/):

BE 10,19%
CDU 8,25%
PCTP/MRPP 1,11%
Livre 0,73%
PTP-MAS 0,41%

Isto dá 20,66%! E sem incluir o PAN (1,39%) e o MPT (0,42%) que, para mim, também são extrema-esquerda e que elevariam a percentagem total a 22,5%!!!

Ainda assim, eu acho que isto não explica tudo. Explica uma grande parte, é verdade, mas parece-me que estes resultados eleitorais são um sintoma de um mal maior: a narrativa de sentido único que vigora nos mé(r)dia e no sistema (des)educativo há já 42 anos!

João José Horta Nobre disse...

Pois, a situação é mesmo desesperante...

Afonso de Portugal disse...

É por isso que eu acho que nos temos de focar em fazer boa propaganda, que atinja o maior número possível de pessoas. Não basta denunciar o que está mal, é preciso fazê-lo de uma forma que cative o eleitorado!