quinta-feira, 5 de maio de 2016

Há cada vez mais portugueses vítimas de tráfico de seres humanos


«O número de portugueses suspeitos de terem sido vítimas de tráfico de seres humanos no estrangeiro mais do que triplicou em 2015 face a 2014, tendo sido sinalizados 58 casos, segundo o Observatório do Tráfico de Seres Humanos (OTSH).

O relatório de 2015 do OTSH indica que, em 2015, foram sinalizados 58 portugueses presumíveis vítimas de tráfico de seres humanos no estrangeiro, mais 43 do que em 2014. De acordo com o OTSH, a maior parte dos portugueses no estrangeiro é vítima de exploração laboral (48 casos sinalizados), nomeadamente no sector agrícola.»

 Até fiquei surpreendido pelo facto de o CM ter publicado esta fotografia: os pés são tão claros!

«À semelhança de anos anteriores, o principal país de destino sinalizado é Espanha (45), nomeadamente a região de Navarra, em tráfico laboral na agricultura, sector que segundo dados do Ministério Interior espanhol, agregou 28 por ceto do total das 134 vítimas de exploração laboral identificadas em Espanha em 2015, indica o OTSH.

O documento daquele organismo do Ministério da Administração Interna (MAI) refere que estão protegidas por segredo estatístico situações suspeitas de tráfico para fins de adopção, tráfico para fins de exploração sexual e outras formas. [O quê!? "Protegidas por segredo estatístico"?! Mas que obscenidade vem a ser esta!?]

Portugal sinalizou, no ano passado, 18 menores de idade como presumíveis vítimas de tráfico de seres humanos, refere o relatório de 2015 do Observatório de Tráfico de Seres humanos (OTSH).

O documento, publicado esta quinta-feira este Joves na página da internet daquele organismo, adianta que dos 18 menores sinalizados, seis foram confirmados e os restantes classificados como "não confirmados", "em investigação" e "sinalizado por organização não governamental".

Segundo o OTSH, as seis situações de tráfico de seres humanos confirmadas reportam-se a vítimas do sexo feminino e são essencialmente de nacionalidade angolana (cinco).»

Comentário do blogueiro: já viram, caros leitores, o que acontece às estatísticas que realmente interessam? Ficam "protegidas por segredo estatístico"! E assim se vai escondendo a verdade do povo...

Fica no entanto mais um testemunho da realidade maravilhosa que é a nossa emigração. E ainda nos dizem que temos que acolher mais imigrantes por causa dela!!!

____________
Ver também:

A realidade da emigração (com "e", porque é para o exterior) portuguesa
Finalmente uma crónica que descreve como os portugueses são vistos lá foraSobre o homicídio brutal de uma jovem luso-descendente em França...
Mais um português assassinado em Angola (6)
Há dois mil portugueses com salários em atraso em Angola
Mais um português assassinado na Venezuela (6)
Mais um português assassinado em Moçambique (2)
Da série "os melhores são os que partem"

Sem comentários: