quarta-feira, 6 de abril de 2016

Não ao "Carnaval Refujiadista" nas escolas portuguesas!


...porque as escolas não podem servir de instrumento de doutrinação política!


«No dia 6 de Abril, estudantes de todo o país serão desafiados a vestir a pele de "refugiados", escolhendo objectos essenciais. A ideia já conta com a adesão de centenas de escolas, dispostas a “mascarar” as crianças, numa espécie de Carnaval tardio.

A escola, cada vez mais, está transformada num instrumento de propaganda e não de ensino, ao serviço de um liberalismo "democrático" e politicamente correcto.

Pretende, assim, formatar seres ainda frágeis, que são moldados pelo que lhes impingem e influenciados por uma solidariedade falsa e de interesses obscuros.»



Comentário do blogueiro: amanhã, é absolutamente imprescindível que todos os nacionalistas com filhos em idade escolar os instruam no sentido de boicotar esta pouca-vergonha! Este tipo de manobras políticas, pelo seu carácter covarde e sub-reptício, é absolutamente nojento e desprezível!

Apelo a todos os nacionalistas que se lembrem das sábias palavras do grande Mark Twain: 


Nacionalistas, jamais permitam que a escola interfira na educação dos vossos filhos!

_______________________
Leituras complementares:

E se fosses tu, jovem? (O Século das Nuvens)
Mas diz lá então, jovem, e se fosses tu? (O Século das Nuvens)
De  pequenino é que se torce o pepino (História Maximus)
Sobre a campanha de intoxicação das crianças nas escolas (Lura do grilo)