quarta-feira, 13 de janeiro de 2016

Ainda sobre os gangues sexuais de Colónia...


  O mítico Síndrome de Estocolmo... agora também na Alemanha:




Resumo do vídeo para aqueles que forem extremamente preguiçosos:



2 comentários:

Missy disse...

O mais irónico disto tudo é que todo este multi-culturalismo/enriquecer os povos europeus, s(im porque nós brancos somos estúpidos e precisamos de mais cultura e enriquecimento...estão a ver as obras do renascimento? nah é treta! somos uns incultos, desinteressados em criar e explorar!) vai acabar com uma raça, a nossa, o branco europeu. Será que quando for velhota serei considerada uma minoria e protegida? oh wait, tenho cabeça e vontade de trabalhar, se calhar não... porque não preciso da pena de ser uma minoria que se marimba para aquilo que a cultura à qual pertenço faz.

Enfim, destruam uma das principais raças que fez do mundo aquilo que é hoje em dia.

Continuem a importar o gene da estupidez de fora, tornem o povo mais burro, mais lento, baixem o nível e a qualidade de vida. Em breve toda a Europa será um 3º mundo, mas ao menos melhorou-se os niveis de pobreza em Africa, os pobres fugiram de lá todos.

Começa a fartar e o branco cá fica a fazer o trabalho dele na sociedade, mas nem se pode queixar senão, tal como dizes, é racista... ora vejamos:
- multi-culturalismo no trabalho em que se o pobre africano não faz o trabalho dele, tenho de o fazer eu (são estas horas e estou agarrada ao trabalho à pala da "cultura" e "modos de trabalho" alheios);
- vizinhos angolanos com kizombada a altos berros até as tantas.
- vizinhos venezuelanos que só sabem berrar

Adoro o multi-culturalismo!

Afonso de Portugal disse...

Missy disse...
«Será que quando for velhota serei considerada uma minoria e protegida?»

LOL! Se nada mudar, vais ser considerada uma velhota racista que, felizmente, já está quase a morrer! Sim, porque se hoje em dia já é quase tudo racismo, nessa altura não vai haver nada que não seja! Bastará seres branca! A menos que consigamos inverter a situação enquanto ainda temos alguma hipótese...


«(...) mas ao menos melhorou-se os niveis de pobreza em Africa, os pobres fugiram de lá todos.»

Ahahahahah! O problema é que aqueles que ainda lá estão não sabem o que são preservativos e continuam a fazer mais e mais "pobres" como se fossem coelhos! Ou melhor, ratos!...

A Europa de hoje em dia faz lembrar aquela imagem clássica do fulano que está a tentar evitar o naufrágio de um barco, retirando a àgua que vai entrando (invasores) com um baldinho (Nacionalistas)... enquanto do outro lado do barco está outro marmanjo a dar uma valentes machadadas no casco (resto dos Europeus)! Ehehe...


«vizinhos angolanos com kizombada a altos berros até as tantas.»

Ui, eu sei bem o que isso é... tive um desses a dar-me cabo da cabeça durante anos quando andava na universidade! A certa altura, eu já estava tão desperado, que cheguei a pensar em "fazê-lo desaparecer"... palavra! Não conseguir dormir noite após noite é do pior que pode acontecer a uma pessoa! E quando chamava a políca, os agentes ainda davam a entender que eu é que me tinha de habituar!

Claro que aqueles que pregam o multiculturalismo e o mulitirracialismo raramente têm este género de problemas. Eles mandam-nos acolher os invasores, mas para conviver com eles no dia-a-dia desaparecem num instante! Vivem bem resguardados nos subúrbios, com a sua casinha paga pelos impostos daqueles que realmente trabalham!